quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Homenagem ao Dia do Leitor


No mês de aniversário do Blog, como homenagem ao Dia do Leitor, alguns comentários, de alguns leitores que estão sempre a me incentivar. Sem eles o Confissões não estaria fazendo 3 anos. Obrigado a todos..
.
.
.
Joseph disse...
poesia de primeira. e isso não me surpreende, porque tudo que você escreveu e eu tive o prazer de ler é assim!
21 DE JANEIRO DE 2007 09:31
.
.
Bethania disse...
Oii..
ai nem sei o q dizer..hehe
.
Lindo lindo di mais!
.
bejao
.

21 DE JANEIRO DE 2007 17:56
.
.
*Li* disse...
Essa poesia eh linda... linda, melancolica e triste... Parece comigo! Rs.
Bjaaaaaaao
22 DE JANEIRO DE 2007 16:56
.
.
Krolzinha disse...
tah muito triiii
.
ti adoru d montaum
bjks
21 DE FEVEREIRO DE 2007 19:20
.
.
Alceuomouro disse...
nem o que te dizer vou ficar com a parte técnica então, ta muito bem escrito muito bom espero que continue neste caminho novo valeu
.
7 DE MARÇO DE 2007 05:20
.
.
Kellen disse...
Léo! sem sombra de dúvidas, vc eh 10!!!!! adorei todas! mas essa em especial!
Lá vem ela
doce
ao sabor do vento
cantando
sussurrando desejos...
nossa!!! mto 10 msmo!! parabéns!!!!! bjjjuussss kellen
28 DE JANEIRO DE 2007 05:08
.
.
Sandra disse...
Carne e sangue, podres,
saltando das nossas carcassas como coelhos endiabrados
a cortejar suas coelhas em pleno cio.
São as derradeiras terminações verbais de um sentimento abandonado
corcoveando em seus respectivos verbos,
procurando um sentido pra existência dessa variação gramatical.
Imagens de um morto abandonando o vivo em local suspeito,
deixando suas armas brancas espalhadas pelo chão imundo
e beijando sua fronte gótica depois de uma noite de orgia.
Nada mais que fugas,
costeando a verdade da minha vida
e esquecendo que a saída ficou afogada na última esquina.
1 DE FEVEREIRO DE 2007 19:07
.
Sandra disse...
Leeeeeeeeeeeeeee... pois é eu tinha q colocar um poemoliha tb né!!
.
sabes o quanto admiro o teu talento não preciso dizer... q q eu vo dizer então??! dai complica a minha vida!
.
adoro-te poeta!
1 DE FEVEREIRO DE 2007 19:09
.
.
Fábio disse...
Ola! também tenho um blog qdo e c der faz uma visitinha www.ecosdotelecoteco.blogspot.com Abraço e muito sucesso na proposta do seu blog. Abração
23 de dezembro de 2009 06:03
.
..
DANIELA BORALI ॐ disse...
Ah se... Ah se... Blá blá blá...
No fundo sempre sabemos... Mas nem sempre queremos enxergar...
Lindo seu blog... E você sabe.... (Não me refiro ao blog...)
Abraço,
Dani
23 de dezembro de 2009 15:37
.
..
Wanderley Elian Lima disse...
Foi bom reler o poema Leandro, pois ele é muito bonito.
Abração
15 de dezembro de 2009 13:16
.
.
Cristiano Contreiras disse...
MUITO INTERESSANTE, PULSA ALMA AMOROSA...VIDA..E SENTIMENTOS SEUS NESSA SUA LITERATURA, PARABÉNS!
.
.
Rosana =] disse...
Sombrio...profundo...difícil de interpretar! (ou será que minha inteligência é tão limitada?? hauhauhau)
.
.
Hélder disse...
Hehe Fala a verdade, não tenho do que discordar...
Cultura popular, de fato, mediocre? Talvez, mas ainda assim é simples...

Também sou de opinião de que algo não deve ser desconsiderado apenas por ser popular, pelo contrário, se se tornou popular é porque tem algo que torna atraente ao público.

e por um texto simples como este, livre de preconceitos é que eu sigo o Confissões...
8 de dezembro de 2009 10:08
.
.
Patrícia disse...
"... que como seu rastro ficaram pelo caminho na poeira dos anos".
.
Perfect!
16 de novembro de 2009 19:06
.
..
Mariana disse...
Nossa, fiquei um tempo refletindo depois q li. Adorei!
17 de novembro de 2009 18:48
.
..

Angel disse...
Eu gostei do teu blog
estou seguindo!
abraços
23 de novembro de 2009 17:43
.
..
Patrícia disse...
Tenho que comentar de novo... profundo isso!
.
=)
27 de novembro de 2009 07:24
.
..
Obrigado a todos

3 comentários:

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Leandro.
Você posta pouco mas, quando posta e primorosa no qualidade, Adoro ler os seus poemas. Parabéns pelo aniversário o blog e a você pelo bom gosto. Saúde e sucesso sempre.
Abração

Mouroblog disse...

Que papo é este de férias... não não vamos continuar a criar ora!!!!!!

***Monike*** disse...

Léo..vc como sempre lindo!!!Suas poesias,acho que não sei nem comentar,assim como seu livro...maravilhosoo!!!Esses dias estava lendo ele...dá uma paz inacreditável..blog lindo,fotos lindas..E vc...Ah!Um amigo e tanto..para todos os momentos!!Adoro vc..sempre!!!Parabéns =D